ptzh-CNen

II Congresso Internacional “Diálogos Interculturais Portugal-China”

O Instituto Confúcio da Universidade de Aveiro organizou a segunda edição do Congresso Internacional de “Diálogos Interculturais Portugal-China”, que teve lugar nos dias 13, 14 e 15 de março de 2019, evento que contou com a participação do Observatório da China.

Para além da comunicação do Presidente do Observatório da China, Rui Lourido, esta iniciativa contou com a intervenção dos membros fundadores da Associação, Jorge Tavares da Silva e Zélia Breda.

Damos nota das intervenções que integram o Observatório da China, o corpo docente e discente do Mestrado em Estudos Chineses da Universidade de Aveiro e de investigadores académicos.

  • Rui D'Ávila Lourido (Observatório da China)

China-Portugal e os países Lusófonos: velhos desafios, novas soluções – a Rota da Seda do Século XXI: Rutura ou continuidade;

  • Liliana Sousa (Mestranda em Estudos Chineses, Universidade de Aveiro) & Jorge Tavares da Silva (GOVCOPP, Universidade de Aveiro)

O Contributo das Associações e das Fundações para o Estudo e Divulgação da China em Portugal: o caso do Observatório da China

  • Jorge Tavares da Silva (Universidade de Aveiro)

As Dinâmicas da Iniciativa "Uma Faixa, Uma Rota" e o Domínio Marítimo-Portuário Português

  • Zélia Breda, Gorete Dinis & Vítor Rodrigues (DEGEIT, Universidade de Aveiro & Escola de Educação e Ciências Sociais, Instituto Politécnico de Portalegre), Como chegar ao mercado turístico chinês? Análise das plataformas digitais usadas na China
  • Emanuel Leite Jr. & Carlos Rodrigues (DCSPT, Universidade de Aveiro)

República Popular da China: diplomacia do desporto e o intercâmbio com Portugal através do futebol

  • Fan ZhongPu & Jorge Tavares da Silva (Universidade de Aveiro)

O Sistema Vertical de Democracia Meritocrática na China

  • Anabela Rodrigues Santiago (Universidade de Aveiro)

O reforço da Parceria Estratégica Global como via para a consolidação da iniciativa “One Belt, One Road” em Portugal

  • Álvaro Augusto da Rosa (ISCTE – IUL)

China contemporânea: do desenvolvimento económico à civilização ecológica

  • António Graça de Abreu (DCSPT, Universidade de Aveiro)

Do Erotismo Suave na Poesia Clássica Chinesa: exemplos e figurações

As relações futuras da Alemanha com a China

Artigo de opinião de Wolfgang Münchau publicado no Diário de Notícias

Provavelmente, a maior questão geopolítica para a UE atualmente, e especialmente para a Alemanha, são as relações futuras com a China. Na semana passada, uma revista alemã de negócios informou que um alto funcionário da chancelaria de Angela Merkel havia visitado a China para explorar as possibilidades de um acordo de não espionagem. 

Continue a leitura

Mais artigos...