ptzh-CNen

  • Home
  • Notícias
  • China - EUA
  • China considera os EUA "patéticos" em meio a relatos de proibição de vistos a membros do Partido Comunista.

China considera os EUA "patéticos" em meio a relatos de proibição de vistos a membros do Partido Comunista.

A China acusou o governo Trump de ser "muito patético" em meio a relatos de que Washington está considerando uma proibição de visto abrangente para membros do partido comunista.

Donald Trump está revisando uma proposta para recusar a entrada de todos os membros do partido no poder da China - que abrange quem é quem na elite política e de negócios da nação mais populosa do mundo.

Mike Pompeo, secretário de Estado dos EUA, perguntou sobre os relatórios da Fox News, disse que o governo estava olhando para "recuar contra o partido comunista chinês".

"Queremos garantir que o façamos de uma maneira que reflita a tradição americana, e há muitas idéias que estão sendo analisadas pelo presidente e por nossa equipe", disse ele, sem comentar diretamente.

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Hua Chunying, chamou a idéia de proibição de visto relatada de "muito patética" para o "poder mais forte" do mundo.

"Esperamos que os EUA se abstenham de fazer mais coisas que desdenham as normas básicas que governam as relações internacionais e minam sua reputação, credibilidade e status como um país importante", disse Chunying.

Hu Xijin, editor-chefe do título da mídia estatal Global Times, descreveu o plano como "louco e cruel, refletindo que o governo Trump perdeu a racionalidade".

"A equipe dominante dos EUA está cometendo um crime que está arruinando os alicerces da paz mundial", disse ele.

 

Ler artigo completo em: The Guardian