ptzh-CNen

China prefere que TikTok feche operações nos EUA do que uma venda forçada.

A China se opõe a uma venda forçada das operações do TikTok nos Estados Unidos e prefere ver o aplicativo ser proibido no país, de acordo com três fontes ouvidas pela agência Reuters nesta sexta-feira (11).

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse na última quinta-feira (10) que o prazo definido para a chinesa ByteDance vender os ativos norte-americanos de seu popular aplicativo TikTok não seria prorrogado.

A ByteDance tem negociado a venda das operações norte-americanas do TikTok com potenciais compradores, incluindo Microsoft e Oracle, desde que Trump ameaçou proibir o serviço se ele não for vendido até meados de setembro.

Mas autoridades chinesas avaliam que uma venda forçada faria com que a ByteDance, dona do aplicativo, e a China parecessem fracos diante da pressão de Washington, disseram as fontes.

A ByteDance disse à Reuters que o governo chinês nunca sugeriu fechar o TikTok nos EUA ou em qualquer outro mercado.

 

Ler artigo completo em: G1