ptzh-CNen
  • Home
  • Notícias
  • China - EUA
  • China realiza exercícios militares perto de Taiwan durante a visita do diplomata norte-americano.

China realiza exercícios militares perto de Taiwan durante a visita do diplomata norte-americano.

As relações entre os Estados Unidos da América e a China estão no ponto mais baixo em décadas, com tensão crescente nas áreas de comércio, militar e segurança, bem como de atribuição de culpas face à pandemia de Covid-19. A tensão entre China e Taiwan data desde o fim da guerra civil de 1949, com Beijing a querer anexar o território independente à China continental, a bem ou a mal.

Beijijng tem observado atentamente e com alguma preocupação o fortalecer das relações entre os EUA e Taiwan, que começou a materializar-se com a visita de Alex Azar no último mês. Keith Krach veio é a segunda visita em dois meses. O secretário norte-americano de crescimento económico, energia e ambiente aterrou em Taipei na quinta-feira para uma visita de três dias.

Durante 40 anos, não houve nenhum alto cargo do governo dos EUA a visitar Taiwan.

Numa conferência de imprensa hoje de manhã, o ministro de defesa chinês afirmou que Beijing estava a “realizar exercícios militares perto do estreito de Taiwan”, quando lhe perguntaram qual seria a resposta da China à visita de Krach.

“É uma ação legítima e necessária para salvaguardar a soberania e integridade terrritorial da China, dada a situação atual no estreito de Taiwan”, disse Ren Guoqiang aos repórteres.

Ler artigo completo em: Plataforma Media