ptzh-CNen

China diz esperar que EUA removam restrições “irracionais” sobre cooperação.

A China pediu aos Estados Unidos neste domingo que removam as restrições “irracionais” à cooperação o mais breve possível e que trabalhem juntos em questões como mudança climática, ao mesmo tempo em que acusou os EUA de provocarem o caos no nome da disseminação da democracia.

Na semana passada, o presidente dos EUA, Joe Biden, destacou uma “crescente rivalidade com a China” como importante desafio diante dos EUA, com seu principal diplomata descrevendo o país asiático como “maior teste geopolítico” deste século.

Falando em sua entrevista anual à imprensa, o principal diplomata chinês, o conselheiro estatal Wang Yi, adotou uma postura dura mesmo ao destacar onde as duas maiores economias do mundo poderia trabalhar juntas.

Questionado sobre recentes atritos entre EUA e China sobre Taiwan, Xinjiang e o Mar do Sul da China, Wang disse que Pequim “nunca aceitará acusações sem fundamento e difamação”.

Money Times