ptzh-CNen

Mercado acionário da China fecha em baixa com realização de lucros em veículos elétricos e saúde.

Os índices acionários da China fecharam em baixa nesta quarta-feira, pressionados pelas perdas em papeis de veículos elétricos e saúde diante da realização de lucros, enquanto preocupações sobre regulações mais severas a grandes empresas de tecnologia também pesaram sobre o sentimento.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, teve queda de 0,99%, enquanto o índice de Xangai caiu 0,53%.

O subíndice do setor de veículos movidos a nova energia do CSI300 perdeu 3,56%, o de tecnologia recuou 3,1% e o de saúde teve perdas de 2,45%.

O índice imobiliário avançou 1,38% e o do setor bancário ganhou 0,7%. As vendas de veículos na China subiram 12,5% em outubro na comparação com o mesmo mês do ano anterior, sétimo mês seguido de alta conforme o maior mercado de veículos do mundo lidera a indústria global na recuperação das mínimas atingidas durante a pandemia de Covid-19.

Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 1,78%, a 25.349 pontos.

Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,28%, a 26.226 pontos.

Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,53%, a 3.342 pontos.

Ler artigo completo em: UOL