ptzh-CNen

China registra avanços em popularização da educação em todos os níveis.

A popularização da educação em todos os níveis na China alcançou ou ultrapassou os níveis médios correspondentes dos países de média e alta renda durante o período do 13º Plano Quinquenal (2016-2020), anunciou o Ministério da Educação nesta terça-feira.

A taxa bruta de matrículas de ensino secundário sênior alcançou 89,5% em 2019, seguida pela taxa de educação pré-escolar, que atingiu 83,4% no mesmo ano, disse Liu Changya, funcionário do ministério, em uma coletiva de imprensa.

A China avançou no ensino superior com sua taxa bruta de matrículas excedendo 51% em 2019, marcando um salto da educação superior de massa para o acesso universal, de acordo com o funcionário.

A população ativa do país recebe em média 10,7 anos de educação, e mais da metade da nova força de trabalho teve acesso ao ensino superior, sendo a média de anos de escolaridade de 13,7, acrescentou ele.

No mesmo período, o número de estudantes de áreas rurais e pobres matriculados nas principais universidades ultrapassou 520 mil.

 

Ler artigo completo em: Xinhua.net