ptzh-CNen

União Europeia impõe tarifas a produtos de alumínio provenientes da China.

A União Europeia vai impor tarifas até 48% sobre as importação de alumínio da China, sendo que está a ocorrer uma investigação para saber se os produtores chineses estão a vender este material a preços significativamente mais reduzidos, aponta a “Reuters”. 

As taxas vão entrar em vigor já na quarta-feira, mas deverão ser provisórias, sendo aplicadas até à conclusão da investigação da União Europeia. Segundo a publicação, as taxas variam entre 30,4% e os 48%. A aplicação das tarifas podem ser aplicadas durante os próximos cinco anos.

A Comissão Europeia abriu uma investigação ao alumínio no passado mês de fevereiro, após uma reclamação da indústria European Aluminium uma vez que este é um material amplamente utilizado em eletrónica, transporte e construção. Os membros desta indústria incluem a Norsk Hydro, Rio Tinto e Alcoa.

Por sua vez, a associação de metais da China considerou que a aplicação de tarifas por parte da União Europeia é infundada.

 

Ler artigo completo: Jornal Econômico