ptzh-CNen

A Tesla vai começar a exportar carros "made in China" para a Europa.

A Tesla vai começar este mês a exportar carros para a Europa que são feitos na sua nova fábrica em Xangai, anunciou o fabricante norte-americana de carros elétricos.

Os veículos Modelo 3 serão enviados para mais de 10 países, incluindo França, Alemanha, Itália e Suíça, disse o grupo Tesla num comunicado enviado terça-feira à AFP. “Esta decisão é uma prova da excelência da manufatura chinesa”, disse a empresa. No ano passado, a Tesla construiu a sua terceira fábrica na capital financeira da China, Xangai, num tempo recorde de 10 meses.

Já possui instalações em Nova Iorque e Nevada, nos EUA. A primeira fábrica para os Estados Unidos deve oferecer à Tesla acesso fundamental ao mercado automóvel da China, que agora é o maior do mundo e também o maior para a empresa americana. É um passo importante na estratégia do CEO da Tesla, Elon Musk, de se tornar global.

A fábrica multimilionária é incomum na China, que normalmente exige que os fabricantes estrangeiras criem joint ventures com empresas nacionais, o que significa lucros e tecnologia com parceiros locais. Elon Musk disse que uma fábrica de Xangai terá uma capacidade de produção anual de 500.000 veículos.

Exportar carros da China para uma Europa permitirá que um Tesla alcance o lucrativo mercado europeu antes que sua quarta fábrica esteja instalada e funcionando fora de Berlim. O Tesla Model 3 - é de preço médio e dirigido ao mercado de massa - é mais compacto e mais barato do que o Modelo S e o Modelo X da empresa.

 

Ler artigo completo em: Plataforma Media