ptzh-CNen

Wall Street tem bilhões a perder com crescente tensão EUA-China.

Gigantes de Wall Street como Goldman Sachs e JPMorgan Chase têm dezenas de bilhões de dólares em jogo na China. Com a tensão política, a abertura do mercado financeiro do país asiático, de US$ 45 trilhões, agora é incerta. 

Cinco grandes bancos dos Estados Unidos tinham exposição combinada de US$ 70,8 bilhões à China em 2019. O JPMorgan tinha US$ 19,2 bilhões em empréstimos, trading e investimentos, um aumento de 10% em relação a 2018. Embora os ativos dos bancos no país sejam comparativamente pequenos, essas firmas têm grandes planos de expansão que podem ser desfeitos se empresas de serviços financeiros forem arrastadas para a disputa entre China e EUA. Isso não apenas afetaria planos de crescimento, como também ameaçaria a renda gerada ao longo dos anos com consultoria para empresas chinesas como Alibaba.

Ler artigo completo em: Info Money

Ler artigo