ptzh-CNen

UE reforça proteção contra empresas chinesas e busca demarcar seu espaço entre EUA e China.

A sobrevivência da União Europeia como zona econômica e de influência política, num mundo cada vez mais polarizado pela disputa entre os Estados Unidos e a China. Os europeus buscam meios para melhor proteger suas empresas da concorrência de grupos estrangeiros, principalmente chineses. O desafio é continuar sendo uma região econômica aberta e atraente, mas lutar contra práticas desleais. 

A Comissão Europeia delineia vários caminhos para uma reforma na área da concorrência e propõe, principalmente, exercer um maior controle das aquisições de empresas europeias, que terão de obter a aprovação de Bruxelas. Os Estados Unidos acabam de endurecer os regulamentos sobre aquisições de empresas americanas, enquanto a China mantém barreiras elevadas para proteger seu mercado.

 

Ler artigo completo em: UOL