ptzh-CNen

Macau vai dispor 269 milhões de euros para incentivar economia.

A criação de um cartão de consumo eletrónico foi uma das medidas tomadas pelo Governo de Macau para relançar a economia e ajudar a população. Entre maio, junho e julho, cada residente de Macau tem direito a três mil patacas (340 euros) para gastar no comércio local. Com esta medida, o Governo de Macau injetou 1,8 mil milhões de patacas (201 milhões de euros) na economia de Macau.

Em conferência de imprensa que serviu para apresentar o relatório intercalar do plano de subsídio de consumo, as autoridades do território indicaram que, até 15 de junho, os 600.171 residentes que aderiram ao programa gastaram um total de 1,46 mil milhões de patacas (164 milhões de euros) do cartão de consumo.

Ler artigo completo em: Plataforma Media