ptzh-CNen

Apenas a China vendeu mais para Portugal durante a pandemia.

Num cenário de enorme contração do comércio internacional por causa da pandemia do novo coronavírus, um único país conseguiu aumentar o valor das exportações que fez para Portugal nos meses de março, abril e maio. 

A conclusão é visível nas estatísticas do comércio internacional divulgadas esta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) que revelam que entre os principais parceiros internacionais "apenas a China registou um aumento" nas importações.

Ou seja, fazendo as contas, mais 4% no conjunto dos meses de março, abril e maio, valor que sobe para 5,1% nesse último mês em análise - o primeiro depois do estado de emergência e no início do processo de desconfinamento.

 

Ler artigo completo em: TSF