ptzh-CNen

Deputado quer empresas chinesas a investir nos mercados lusófonos através de Macau

Empresas do Interior da China interessadas em explorar os mercados lusófonos devem ser encorajadas a criar subsidiárias em Macau, defendeu na quinta-feira o Deputado Wang Sai Man, numa sessão da Assembleia Legislativa da Região Administrativa Especial de Macau.

Segundo a Macau News Agency, o também empresário disse que as reservas cambiais de Macau são suficientes para a cidade funcionar como um centro de comércio entre a China e os Países de Língua Portuguesa.

Macau devia encorajar particularmente grandes grupos a abrir escritórios locais, para estimular o desenvolvimento tecnológico e a formação de recursos humanos na cidade, acrescentou Wang Sai Man, citado pela agência noticiosa local.

O deputado apelou às autoridades para acelerar a elaboração de leis e regulamentos para atrair investimento externo, nomeadamente através de benefícios fiscais, e para reforçar a promoção de Macau junto de investidores estrangeiros.

Macau HUB