ptzh-CNen

Empresas de Macau fecham acordos para vender produtos lusófonos em Xangai.

Várias empresas de Macau assinaram na semana passada acordos para a comercialização de produtos dos Países de Língua Portuguesa na cidade de Xangai, no leste da China, avançou o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM).

Os acordos foram assinados no âmbito de uma sessão de bolsas de contactos, realizada em cooperação com a delegação em Xangai do Conselho para a Promoção do Comércio Internacional da China. O evento fez parte da iniciativa “Semana de Macau em Xangai”, que termina hoje.

Num comunicado, o IPIM sublinha que a sessão de bolsas de contactos, realizada na quinta-feira, reuniu mais de 110 representantes de empresas de Macau e de Xangai, tendo ainda incluído 96 reuniões de negócios.

De acordo com o Director-Geral da Sardinia Macau Ltd, Sou Hei Man, os importadores do Interior da China apreciam a flexibilidade oferecida pelos fornecedores portugueses no que toca ao tamanho das encomendas. A Sardinia Macau foi uma das empresas de Macau a participar na sessão de bolsas de contactos em Xangai.

Por outro lado, a fabricante chinesa Shanghai Tianxiang Jiantai Pharmaceutical Machinery Co. Ltd demonstrou, durante o evento, vontade de abrir um escritório em Macau para reforçar as ligações comerciais com os Países de Língua Portuguesa.

Fórum China-PLP