ptzh-CNen

Presidente dominicano inoculado com vacina Sinovac da China

O Presidente da República Dominicana, Luis Abinader, foi inoculado, na quarta-feira, com a vacina Sinovac da China, à medida que o país avança no processo de inoculação recebendo o quarto carregamento da vacina Sinovac da China.

Luis Abinader aplicou a sua primeira dose da vacina anticovid Sinovac e instou as pessoas para se imunizarem de forma a que o país possa voltar à normalidade.

“Peço ao povo dominicano que venha e se vacine para que possamos pôr um fim a este pesadelo de uma vez por todas e voltar ao normal”, disse ele.

Enquanto isso, Raquel Peña, vice-presidente e coordenadora do Gabinete de Saúde, conduziu a cerimónia para receber o antídoto no Aeroporto Internacional de Las Américas (AILA), a leste da capital dominicana.

Peña disse, na receção, que queria “agradecer ao embaixador da República Popular da China, ao seu país e ao presidente da República Popular da China por mais uma vez permitir que as vacinas Sinovac cheguem à República Dominicana.”

Esta nova remessa permitirá ao governo dominicano acelerar a imunização contra a COVID-19, já que a partir da próxima semana o Plano Nacional de Vacinação incluirá toda a população com mais de 18 anos de idade.

Até ao momento, a nação caribenha recebeu quatro remessas de vacinas da China, incluindo medicamentos e seringas doadas.

Na receção, o embaixador chinês no país, Zhang Run, garantiu que a China continuará a acompanhar e a contribuir com a República Dominicana nesta luta anti pandémica, e que as vacinas continuarão a chegar.

Segundo o diplomata, “é um grande prazer para mim representar a China neste ato, recebendo da China o maior lote que até agora chegou à República Dominicana, outro resultado concreto da nossa cooperação e uma demonstração do bom andamento das relações bilaterais.”

As autoridades informaram que, até 4 de maio, foram administradas 2.123.703 doses de vacina contra o coronavírus e 804.258 habitantes foram totalmente vacinados.

Spanish Xinhua